CINQÜENTA TONS DA FÉ

CINQÜENTA TONS DA FÉ
by

 

1 “O Eterno” – num misto de razão e emoção, sabemos e sentimos que não estamos só; o que é partiu de um que é e este que É, é a origem de tudo. Beleza, só poderia partir do belo, perfeição do perfeito, a harmonia que há em tudo é produto da intervenção pessoal no caos, um motor pondo tudo em movimento. Tudo que está aí Existe Deus É (imutável porque é, perfeito porque já é, confiável porque é…) a fé cristã parte de um Deus Eterno, pessoal em contato e intervenção com sua criação . Você crê que existe Deus? Parabéns, sua razão e emoção estão preparadas para serem tocadas pelo Cristianismo Legítimo.

2 “O Eterno” – Singular é um Deus plural. Assim,  na mais complexa de todas as estruturas, Deus Espirito é Espírito Pessoal,  com uma essência que existe e se expressa em três pessoas. Isto mesmo o Deus Cristão é UM,   por isto somos monoteístas e esta essência una É em três pessoas,  Pai,  Filho e Espírito Santo no que podemos chamar A MAIS COMPLEXAS DAS AS ESTRUTURAS sendo,  ao mesmo tempo,  a mais simples de todas as estrutura por ser AMOR.  Se Deus fosse uma Pessoa, sendo em essência amor,  seria um amor egoísta,  auto-centrado,  mimado, com todos os defeitos e feiuras de um amor doentio,  como são três pessoas é amor puro,  abnegado,  verdadeiro.  O Filho obedece ao Pai;  O Pai atende o Filho;  O Espírito fortalece o Filho;  O Espírito é enviado pelo Pai e assim ciclicamente numa dança onde um honra,  valoriza,  apoia e se realiza no outro,  servindo de magnifico modelo para nós. Quando você perceber a relação entre estas três pessoas e “entrar nesta dança” honrando a Ele, servindo a Ele e sendo encontrado na história por Ele escrita, Parabéns!  Você estará vivendo o Cristianismo

3 “O Livro” – O que sabemos de Deus vem por duas vias de mesma fonte 1) DO CORAÇÃO Não é de se duvidar que pessoas sintam,  captem,  anseiem (Como disse Blase Pascal) ou percebam a Deus de alguma forma,  claro que este conhecimento é de natureza subjetiva,  afinal “corações são enganosos”; caso aconteça de forma legitima vem de uma fonte,  Deus que se revelou a este coração 2) DA REVELAÇÃO REGISTRADA NO QUE CHAMAMOS DE BÍBLIA, sem anular o coração,  aliás trabalhando em sintonia com ele, A BÍBLIA É O REGISTRO DE DEUS REVELANDO A SI MESMO, sua natureza, seus planos no limite que Ele mesmo estabeleceu como suficiente a nós.  Coerente, consistente,  histórica,  ilustrativa nos seus 66 livros reunidos compondo um único livro que,  mesmo com a diferença cultural,  temporal,  geográfica… vivida pelos autores de cada livro,  mesmo na diferença de suas formas literárias (poesia, narrativa,  alegoria…) mantem sua essência e cumpre seu propósito EVIDENCIAR O AMOR E A BUSCA DE DEUS PELOS HOMENS TOMANDO A INICIATIVA E DANDO SINAIS PRÁTICOS DE SEUS PLANOS E INTERESSE PRINCIPAL Inspirada milagrosamente,  preservada milagrosamente (Utilizamos em sua forma atual por mais de 20 séculos com a mesma confiança e segurança),  coerente milagrosamente, consistente milagrosamente (1500 anos separam o primeiro do último autor dos livros que a compõem). Temos neste livro a pessoa de Deus no Milagre do Amor. TRATA-SE DA CARTA DE AMOR DE DEUS. Se você se interessa por Deus leia a Bíblia, comece pelo Evangelho escrito por João.  Se você lê a bíblia, leia-a como CARTA DE AMOR DE DEUS PARA VOCÊ. Não como livro técnico, não como livro cientifico, simplesmente como CARTA DE AMOR. Assim, e só assim, você terá as bases para viver e crescer no Cristianismo.

4 “O Homem” – Limitado e infinito,  a partir do momento que começou a SER o homem não mais poderá não ser.  Ele é,  e sabe que É, tem noção de si mesmo por isto vive sentimentos que para além dos eventos imediatos (Medo,  angustia,  ansiedade…).  Ete é o homem,  projeção em escala reduzida de Deus,  diferenciando-se por ter data de inicio. COMO SER LIMITADO precisa se conscientizar e buscar aquilo (na verdade Aquele) que vai lhe possibilitar,  viver aquilo que ele nasceu para ser (sob pena de passar uma vida cheia de buscas vazias. COMO SER INFINITO – Só estará seguro quando vencer a arrogância,  dar-se conta de sua finitude física e vivenciar a lógica do plano infinito que é a irrevogável condição do seu ser (que naturalmente ele não encontrará em nada finito). O Homem,  maquina perfeita,  foi criado por Deus,  quando está em Deus é mais que uma máquina,  nasce de novo em outra ordem e nesta ordem vence a FINITUDE E AS LIMITAÇÕES fazendo com que o homem viva sua vocação inicial SEJA O QUE FOI CRIADO PARA SER.  Se você tem noção de suas limitações,  tem noção da sua finitude física e infinitude enquanto ser o Cristianismo é a chave para vencer todas as limitações.

5 “Pecado” – Um pouco fora de moda, relativizado e até “anulado do lado de baixo do equador” ele existe como disposição interna, elemento constituinte da natureza humana. Para além dos atos (Ações) e da falta deles (Omissões) que resultam em PecadoS,  temos a questão a realidade de uma natureza má que se opõem a Deus.  Transmitida geneticamente desde a primeira disposição de desobediência, este estado “reconfigurou” o ser humano, fazendo-lhe menos do que aquilo que foi criado para ser (com seu orgulho e escolhas coloca Deus fora de sua vida). Por causa do Pecado,  a Imagem inicial foi arranhada e sua vida é subutilizada e os limites do homem foram estabelecidos AGORA ELE MORRE. Observe que é uma nova natureza do ser que tinha a natureza divina, sendo assim o Pecado rompe o vínculo de paternidade entre criador e criatura, rompe também a relação franca, amistosa, desejável e agradável. POR CONTA DE SUA NOVA NATUREZA O HOMEM ESTÁ SEPARADO DE DEUS PRECISA DELE MAS FICA POUCO A VONADE COM ELE. Se você entende que muito mais do que atitudes eventualmente vergonhosas você tem uma natureza que te impede de viver bem e se você entende que sua proximidade com Deus não é “tão natural assim” parabéns,  você esta a caminho de encontrar-se com a solução desta barreira proposta pelo Cristianismo.

Share

Recommended Posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *